Blog UOL Esporte vê TV

Arquivo : libertadores

Esqueça futebol: SP terá filme de mais de 10 anos nesta quarta
Comentários Comente

UOL Esporte

Pode preparar a pipoca para hoje a noite se vocês for de São Paulo

Pode preparar a pipoca para hoje a noite se você for de São Paulo

Uma das maiores tradições do futebol brasileiro terá uma pausa no estado de São Paulo em boa parte deste ano: a rodada de quarta-feira à noite, aquela que começa entre 21h45 e 22h, depois da novela das nove. Isso porque o estado está sem representantes na Copa Libertadores depois de 15 anos.

O que vai acontecer na noite desta quarta-feira, 12 de fevereiro, mostra bem o que deve acontecer daqui para frente. Enquanto maior parte do Brasil verá a estreia do Flamengo no torneio continental contra o León, do México. São Paulo ficará com um filme que tem mais de dez anos.

A emissora começou a divulgar na última terça-feira a transmissão da [divertida] película “Uma Saída de Mestre”, lançado nos cinemas em 2003, que conta com Mark Wahlberg e Charlize Teron nos papeis principais. A trama conta a vingança de um assaltante contra um ex-parceiro de crime que o traiu após um trabalho.

Além do jogo do Flamengo para a maior parte do Brasil, ainda teremos Real Garcilaso x Cruzeiro em Minas Gerais, Pernambuco terá Porto x Santa Cruz,  a Bahia vai ver Jacuipense x Bahia, o Ceará Icasa x Horizonte, o Mato Grosso irá de CEOV x Sinop, interior de catarinense verá o clássico Figueirense x Joinville, de acordo com levantamento do site Papo de Bola, confirmado pelo UOL Esporte Vê TV.

Pelo menos até o final do Campeonato Paulista, esse deve ser o panorama dos torcedores paulistas nas noites de quarta-feira: grande parte do Brasil vendo a Libertadores e eles com filmes cansados. A solução deve vir apenas no Campeonato Brasileiro, quando a Globo deve tentar mudar datas de jogos de times de São Paulo e puxá-los para o meio de semana.

Já a Band, que também passa futebol nas quartas-feiras a noite, mas não tem o direito da transmissão da Libertadores, apostou em passar um episódio da animação “Os Simpsons” e um filme em seguida – mas o título escolhido ainda não foi divulgado no site da emissora.

E quanto tempo isso durará? Com a pausa para a Copa do Mundo, o principal torneio continental sul-americano terminará apenas em meados de agosto.

Por Jorge Corrêa


Tricampeão Gerson ganha camisa do Botafogo após tirar a sua em comemoração
Comentários Comente

UOL Esporte

gerson

Emocionado com a vitória do Botafogo na última quarta-feira, Gerson tirou sua camisa e vibrou muito nas cabines de rádio do Maracanã durante o jogo contra o Deportivo Quito que garantiu a fase de grupos da Copa Libertadores. E após ficar sem roupa, ele ganhou uma novinha nesta quinta.

Durante o programa “Donos da Bola”, da TV Bandeirantes, ele foi homenageado pela diretoria do Botafogo e recebeu uma camisa oficial do clube.

“Salve, Gérson Canhotinha de Ouro! Após comemorar efusivamente a vitória do Fogão, o craque recebeu uma camisa do clube ao vivo no programa “Donos da Bola”!”, postou o clube, em sua conta oficial no Instagram.

“Meio torcedor” do Botafogo, como ele mesmo definiu, o “Canhotinha de Ouro” não conteve a emoção após o terceiro gol de Wallyson, tirou a camisa dentro da cabine da Rádio Transamérica e comandou a torcida alvinegra no setor oeste superior do Maracanã.

“Sou ‘meio’ botafoguense [outra metade é Fluminense]. Estava torcendo muito para que o Botafogo entrasse nessa fase de grupos. Não existe torcida igual a essa. Com o gol, fiquei maluco e emocionado. Estava cheio de tesão, resolvi tirar a camisa e comemorar. Eles merecem”, disse o ex-jogador, comentarista e tricampeão mundial na Copa do Mundo de 1970.

O jogo na última quarta-feira foi o segundo de Gerson em sua “nova casa”. Após deixar a Rádio Globo em 2012, ele passou pela Rádio Bradesco Esportes FM e se transferiu para a Transamérica no início deste ano.


Tite mostra que não esqueceu Amarilla: ‘não quero encontrá-lo nunca mais’
Comentários Comente

UOL Esporte

Tite mostrou que não esqueceu os erros do juiz Carlos Amarilla, que apitou a desclassificação corintiana para o Boca Juniors na Libertadores da América de 2013. O treinador da equipe paulista declarou no programa Jogo Aberto, da Band, que ‘não gostaria de encontrar Amarilla nunca mais no resto de sua vida’.

Convidado do programa, Tite evitou dar declarações sobre a situação complicada do rival São Paulo, adversário do Corinthians neste domingo pelo Campeonato Brasileiro, mas não se esquivou quando o assunto foi o grande ‘vilão’ da eliminação de sua equipe no torneio continental.

“Eu não gostaria de encontrar o Amarilla nunca mais no resto de minha vida. Não quero ver esse cara, vai trabalhar em outro local, eu não quero ver ele em nenhum jogo meu mais. Eu vou ter muita dificuldade se eu voltar a trabalhar com ele, toda ação eu vou olhar com desconfiança”, disse o técnico campeão paulista e da Recopa neste ano.

Na 13ª colocação do Brasileirão, o Corinthians ainda não embalou na competição nacional e enfrenta o São Paulo em crise neste domingo, às 16h, no Pacaembu.


Cuca pede desculpas ao vivo para comentarista Mario Sergio
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito da foto: Marcus Desimoni/UOL

Campeão da Libertadores, o técnico Cuca pediu desculpas ao vivo para o comentarista Mario Sergio, do FOX Sports, após a conquista da última quarta-feira. Ao falar com o ex-treinador, o comandante atleticano lamentou uma entrevista que deu após deixar o Botafogo.

“Quero te pedir desculpa publicamente até. Fiquei dois anos e meio no Botafogo e você ficou no meu lugar. Quando sai do Botafogo, você era o treinador no meu lugar, dei uma entrevista de uma página inteira. Hoje não daria mais entrevista. Eu de repente acabei atrapalhando seu trabalho, sua sequência no Botafogo Não foi de coração, é coisa que a gente fala com emoção. Então te peço desculpa publicamente”, falou Cuca.

Depois de pedir desculpas para o comentarista, o técnico do Atlético-MG aproveitou para elogiar Mario Sergio.

“Gosto muito de você, e acho que você é um baita comentarista, você entende a partida tática porque foi jogador e é treinador”, completou.

A passagem de Mario Sergio pelo Botafogo aconteceu em 2007. O treinador ficou três jogos no comando dos cariocas. O técnico Cuca antecedeu e sucedeu o comentarista no banco do clube.

VOTE: QUAL O MELHOR COMENTARISTA DO PAÍS?


Tardelli manda recado para comentarista da Band após classificação do Atlético-MG
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito da foto: Bernardo Lacerda/UOL

A classificação do Atlético-MG para a final da Libertadores, na noite de quarta-feira, quando venceu o Newells Old Boys nos pênaltis, teve uma declaração de desabafo do atacante Diego Tardelli, que mandou um recado no microfone da Band para o comentarista da emissora Paulo Morsa.

“Cadê o Morsa? Cadê o Morsa? Fala agora Morsa, porra”, disse Tardelli aos gritos, encerrando a fala com um palavrão.

O jornalista disse, antes da partida contra o São Paulo, pelas oitavas de final da Libertadores, que o Atlético era “cavalo paraguaio” e que seria eliminado pelo tricolor paulista. A declaração dada ao vivo na Band de São Paulo incomodou os jogadores atleticanos, que utilizaram a fala como motivação para os dois confrontos contra o tricolor.

 

VOTE: QUAL O MELHOR COMENTARISTA DO PAÍS?


Caio revela troca de mensagens com Victor e se empolga no ar: “Parabéns Vitão”
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito: Reprodução/TV Globo

O comentarista da TV Globo, Caio Ribeiro, se empolgou na transmissão da partida entre Atlético-MG e Newell’s Old Boys, logo após a defesa do pênalti do goleiro Victor que garantiu o Galo na final da Libertadores.

O narrador Cleber Machado, logo após falar da classificação do Atlético-MG, passou a palavra para Caio Ribeiro. “O Caio estava tímido para contar uma história. Você mandou uma mensagem pro Victor?”

“Falei com o Victor hoje [quarta] a tarde, mandei mensagem para ele assim: ‘você se consagrou contra o Tijuana, hoje é outro dia de você sair nos braços da torcida’. Ele me respondeu: ‘a gente está muito confiante, pode ter certeza que se for para os pênaltis será uma noite inesquecível, a gente vai ganhar. Parabéns Vitão!”, se empolou Caio.

“Se tem um heroi nesta campanha, é o Victor”, emendou Bob Faria, que também dividiu a transmissão com Cleber e Caio.

VOTE: QUAL O MELHOR COMENTARISTA DO PAÍS?


Comentarista da ESPN homenageia Atlético-MG e usa máscara do Pânico
Comentários Comente

UOL Esporte

A heroica classificação do Atlético-MG para as semifinais da Libertadores foi o grande destaque do Sportscenter, da ESPN Brasil. O comentarista Leonardo Bertozzi homenageou o time mineiro e usou uma máscara do Pânico.

No encerramento do programa, Paulo Soares brincou ao ver o colega de bancada usando a máscara. “Deixa eu ir embora porque o clima tenso por aqui”, disse. O “Amigão” foi para os bastidores e foi perseguido por Bertozzi, tudo em clima de brincadeira.

A máscara do Pânico foi ‘adotada’ pela torcida do Atlético-MG para amedrontar o Tijuana na partida desta quinta-feira pelas quartas de final da Libertadores. A fórmula deu certo: Victor pegou um pênalti no último minuto e o empate por 1 a 1 levou o time mineiro para as semifinais.


Transmissão oficial da Libertadores erra símbolo do Corinthians
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito da foto: Reprodução/Globo

A transmissão oficial da Libertadores errou o símbolo do Corinthians no início da partida contra o Boca Juniors. Todas as emissoras que mostraram a imagem aberta quando o árbitro apitou o começo do jogo exibiram o equívoco.

O símbolo corintiano que aparecia tinha três estrelas menores e uma maior, que representavam os três Campeonatos Brasileiros e o Mundial conquistado pelo clube. No entanto, atualmente, o escudo do time do Parque São Jorge não conta mais com estrelas (foto abaixo). A equipe decidiu eliminar a homenagem para as conquistas em 2011.

Caso ainda utilizasse, o símbolo continuaria desatualizado, pois o Corinthians deixou de ter três Brasileiros em 2005, quando se tornou tetra. A equipe ainda faturou o título nacional em 2011.

Em relação ao Mundial, o Corinthians estaria com duas estrelas, pois se tornou bicampeão em 2012, ao vencer o Chelsea no Japão.

Dentro de campo, o Boca Juniors levou a melhor contra o Corinthians. Com gol de Blandi, o time argentino venceu por 1 a 0.


Narrador chileno chama Luxemburgo de “ridículo” por causar briga na Libertadores
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito: Reprodução/Fox Sports

O técnico Vanderlei Luxemburgo foi duramente criticado pela dupla de narrador e comentarista do Fox Sports que transmitiu para o resto da América do Sul a partida entre Huachipato e Grêmio (empate e m 1 a 1) pela Copa Libertadores, na noite da última quinta-feira.

Após o início da briga, em que Luxemburgo acabou agredido por jogadores da equipe chilena, o narrador Fernando Solabarrieta fez um grande discurso criticando a atitude do técnico brasileiro, acusado de ter iniciado a confusão após provocar a comissão técnica e a torcida do Huachipato.

“Luxemburgo está fora de si, que ridículo, que vergonha para um técnico profissional como Vanderlei Luxemburgo, que palhaçada. Uma vergonha para toda a América do Sul”, declarou o narrador, responsável pela transmissão das aprtidas de equipes do Chile no torneio continental pelo canal.

“Ele manteve em campo um jogador lesionado (Werley), e agora foi tirar sarro dos jogadores e dos torcedores locais. Comportamento inaceitável”, completou Solabarrieta.

Outro que não gostou da suposta atitude de Luxemburgo foi o comentarista chileno Patrício Yañez, ex-jogador da seleção do país, que comentava a partida pelo Fox Sports. Para ele, o que Luxa fez foi “injustificável”.

“Todos apontaram para Luxemburgo, a culpa foi de alguma provocação dele. Já foi inconveniente na ida, quando não cumprimentou o técnico do Huachipato. Um papelão. Atitude condenável de Luxemburgo.  Não há como justificar tudo isso”, disse o comentarista.


Repórter da Fox Sports erra nome de jogador do Grêmio e é corrigido ao vivo pelo atleta
Comentários Comente

UOL Esporte

Crédito da foto: Reprodução/Fox Sports

Um repórter da Fox Sports cometeu uma gafe após o empate do Grêmio com o Huachipato no Chile pela Libertadores. Nos vestiários do jogo, Luciano Calheiros foi entrevistar o volante Adriano sobre a lesão que o volante sofreu durante a partida.

No entanto, o repórter confundiu o volante com o atacante Wellinton e foi corrigido ao vivo. “Não. Eu sou o Wellinton”.

Nitidamente constrangido, o repórter da Fox Sports seguiu na entrevista e depois fez uma brincadeira sobre o ocorrido.

“Aqui a palavra do Wellinton, rapaz. O Adriano acabou me driblando aqui”, falou o jornalista.

Adriano, jogador confundido com Wellinton

Crédito da foto: Lucas Uebel/Agência Preview.com