PUBLICIDADE
Topo

Casão se emociona com história de corintiana que leva crianças à Arena

UOL Esporte

19/03/2019 14h02

Reprodução/TV Globo

O comentarista Walter Casagrande se emocionou durante o programa "Globo Esporte" de hoje. O motivo foi uma matéria sobre Liah Mattos, uma corintiana que leva crianças para a Arena acompanhar jogos do time alvinegro. A torcedora chega ao estádio horas antes em busca de uma companhia que não tenha condições de comprar ingresso para ver a partida.

"Eu acho  que agora, passando na TV, ela poderia ter mais ajuda. Talvez o Corinthians possa colaborar. No lugar de uma criança, levar dez, oito, cinco. Ela deixa de curtir o jogo do jeito que ela gosta para fazer uma atitude como essa. Só se combate o mal fazendo o bem. Nós temos muita coisa acontecendo de ruim, tragédia em Suzano, Ninho do Urubu. Não dá para ficar perdendo sempre para o mal. Tem que levantar a cabeça e ter atitudes como a dela", falou Casão, emocionado.

Reprodução/TV Globo

Na sequência, o comentarista falou sobre sua palestra para atletas da base do Corinthians, na última semana.

"Tudo que eu passei na minha vida, corri o risco de morte várias vezes, fiquei internado, vivo em recuperação, alcancei a sobriedade total. Eu não poderia guardar para mim vendo as coisas acontecendo, principalmente dentro do futebol. Quero passar isso para a garotada. Não estou querendo fazer jogador nenhum, só ajudar crianças a crescerem longe deste problema das drogas", comentou.

Leia também

Denílson cobra jogadores do São Paulo e reprova possível chegada de Pato
Galvão critica atuação de Paquetá em clássico: "Absolutamente inoperante"

Ainda sobre o time alvinegro, Casão aprovou a possível chegada de Guilherme Arana, mesmo com o bom momento de Danilo Avelar.

"Arana fez um ótimo campeonato antes de ir embora, não se deu bem no Sevilla, está tendo a possibilidade de voltar. Se o Corinthians conseguir trazê-lo, vai fortalecer muito o elenco. O Corinthians precisa de um lateral que todo mundo confia", analisou.

O ex-jogador ainda falou sobre a situação de Borja no Palmeiras. Para Casão, o colombiano, apesar do momento ruim, deve seguir no time titular. "O Felipão insiste nos jogadores, acredita no talento", defendeu.

"Quando o Borja foi contratado, todos os times queriam ele por conta de quatro jogos na Libertadores. Estão esperando ele repetir aquilo. Talvez o Borja não seja aquele jogador que todo viu naquele momento. Até eu achei fantástico. Pode ser que seja um jogador normal. O Felipão está tentado fazer com que ele faça aquilo que pode. Às vezes, o que ele poder dar é isso. Acho que ele merece ser titular por mais um pouco", completou.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

UOL Esporte vê TV