Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

Caso avance, Atlético-MG não terá Globo na fase de grupos da Libertadores

UOL Esporte

22/12/2018 04h00

Levir Culpi, técnico do Atlético-MG (Bruno Cantini / Atlético-MG)

Na fase de grupos da Copa Libertadores, 12 partidas de cinco equipes brasileiras serão realizadas às 21h30 de quartas-feiras, horário definido pela TV Globo para o futebol em 2019. O número subirá para 13 (e seis times) se o São Paulo se classificar. No entanto, o Atlético-MG não é um destes clubes.

Em sua estreia preliminar na competição e até mesmo se avançar para o grupo E, o time mineiro não terá qualquer partida transmitida na TV aberta ou no Facebook. A única possibilidade está na fase 3, que ainda não teve suas datas definidas pela Conmebol.

Para ter direito de disputar a terceira fase preliminar, porém, o Galo terá de superar o Danubio-URU na etapa anterior. Se conseguir, ainda precisará torcer por data e horário compatíveis com a grade de TV.

O problema vai além: o Atlético-MG não está na lista de partidas que serão exibidas pelo Facebook. A rede social ficará com os jogos realizados às quintas-feiras, e a tabela já divulgada não prevê qualquer jogo do Galo neste dia, mesmo se avançar.

O Facebook terá jogo do Cruzeiro na primeira rodada da fase de grupos; na segunda, será o Atlético-PR, e segue nesta ordem até a sexta rodada: Grêmio, Flamengo, Palmeiras e novamente Atlético-PR – que não terá jogos na Globo, mas marca presença duas vezes no streaming da rede social.

Grêmio, Inter e Cruzeiro correm mesmo risco

(imagem: Reprodução/Globo)

Jogar às 21h30 de uma quarta-feira não é garantia de ter espaço na Globo. Alguns jogos são simultâneos, e a emissora não pode exibir partidas diferentes na mesma rodada para regiões distintas do país. Ao optar por um confronto, deve transmiti-lo para o Brasil inteiro. Não poderá passar o Grêmio exclusivamente para o Rio Grande do Sul, por exemplo.

Quando este dilema ocorrer e a Globo tiver de escolher, a tendência é priorizar Flamengo e Palmeiras, mesmo que isso signifique passar mais de um jogo destas equipes ao longo da fase de grupos da Libertadores.

Um exemplo: se o São Paulo chegar à fase de grupos, o canal pode optar por transmitir na segunda rodada o eventual duelo contra o River Plate, na Argentina – trata-se do único compromisso tricolor que seria realizado às 21h30 de quarta.

Ou seja, dos 13 jogos que ocorreriam neste horário, somente seis seriam transmitidos pela Globo ao longo das seis rodadas da fase de grupos. Neste caso, três equipes brasileiras correm risco.

Estamos falando de Grêmio (dois jogos às 21h30 de quarta), Internacional (dois jogos) e Cruzeiro (um jogo). O Tricolor gaúcho disputará o horário com o Palmeiras na primeira e na quarta rodada, de modo que a Globo pode priorizar o Alviverde.

O Colorado briga com Flamengo e São Paulo na segunda rodada, e novamente com o Rubro-Negro carioca na quinta. Por fim, o Cruzeiro pode não ser transmitido na terceira rodada em função do Flamengo, que estará em campo simultaneamente.

Destes três, só o Inter não terá partidas disponíveis pelo Facebook. Porém, mesmo se ficarem sem transmissão da Globo na fase de grupos, é evidente que estes três clubes podem recuperar espaço a partir do mata-mata – se avançarem, é claro.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.