Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

Casão vê Messi disperso na Argentina e brinca com Samy Dana sobre projeção

UOL Esporte

2016-06-20T19:12:21

16/06/2019 12h21

Reprodução/Globo

O comentarista Walter Casagrande Jr. disse, em participação no programa "Esporte Espetacular" da TV Globo, que vê o meio-campista Lionel Messi disperso em alguns momentos na seleção argentina, derrotada por 2 a 0 pela Colômbia em sua estreia na Copa América.

Casão ainda brincou com o economista Samy Dana, que antes tinha apresentado uma reportagem que mostrava uma projeção dos favoritos ao título do torneio com os argentinos à frente dos colombianos.

Leia também

Messi mostra abatimento e já fala em "evitar algo pior" na Copa América
E agora, Messi? O que deu errado na estratégia da Argentina na Bahia

"A Argentina dá poucas bolas para o Messi. Ele então fica às vezes disperso, o que não acontece no Barcelona, que é mais técnico e joga a bola toda hora para o Messi, então ele está sempre jogando. A Colômbia é mais compacta, uma intensidade muito grande, dominou a Argentina e venceu", disse.

"Eu gosto muito do Samy, gosto das pesquisas dele, mas quando a bola rola essas pesquisas desmoronam", brincou Casão, que ainda analisou os seus favoritos para o título da Copa América.

"Eu acho que o Brasil é favorito sim e concordo com todos os outros três. Mas eu acho que o Uruguai está em segundo lugar. Tem uma estrutura muito forte. A Argentina não jogou bem, pode ser até que melhore, mas não apresentou nada. E a Colômbia apresentou muito. Então vejo estes 4 brigando lá em cima, mas passo a Colômbia lá para cima e o Uruguai também", disse.

Reprodução/Globo

Sobre a porcentagem de 42% para a seleção brasileira apresentada pelo estudo, Casagrande disse concordar. Mas, sem se empolgar com a vitória por 3 a 0 sobre a Bolívia na estreia, disse que espera ter a sensação de um favoritismo ainda maior após o duelo contra a Venezuela, na próxima terça-feira.

"(O Brasil) é isso, na ordem certa, sem empolgação. O Brasil estava com peso muito grande, era um jogo completamente diferente. Jogando no Brasil, não foi bem nas últimas Copas, Neymar não está jogando, a molecada em dúvida se ia dar conta, se não ia dar conta… De repente depois do segundo tempo que ganhou por 3 a 0 pode aliviar, segundo jogo acho que vai ser mais leve. É favorito, equipe muito técnica… 42% para iniciar, na terça vamos mudar esse número". disse.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.