Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

Comentarista da Fox critica vídeo de "Nego Ney": "Cultura sendo pisoteada"

UOL Esporte

2020-03-20T19:15:20

20/03/2019 15h20

Osvaldo Pascoal não gostou do fenômeno "Nego Ney", garoto que viralizou nas redes dançando funk. O sucesso é tanto que Gabigol, do Flamengo, comemorou igual ao menino os gols marcados na vitória sobre o Madureira ontem, pelo Campeonato Carioca. Durante o programa "Fox Sports Rádio" de hoje, o comentarista criticou o viral.

"Quero falar um negócio, a cultura no Brasil está sendo pisoteada. Tudo viraliza. Eu prefiro outras coisas. Parabéns ao garotinho fazendo brincadeira, legal", disse em tom de reclamação.

Leia também
Menino famoso por funk do Nego Ney é inspiração de Gabigol em gols do Fla
Abel aponta desperdício do Flamengo e vibra com retorno de Juan aos 40 anos
Gabigol se divide entre gols e chances perdidas para virar retrato do Fla

A situação fez com que os demais participantes defendessem "Nego Ney", dizendo que era apenas uma criança dançando. Pascoal, no entanto, continuou a crítica e disse que a "cultura brasileira merece melhor situação".

"A cultura brasileira merece melhor situação do que está vivendo. É por isso que a gente vive algumas coisas pesadas no país. Culturalmente somos nulos, não significamos nada", analisou.

Em seguida, os demais participantes vaiaram o comentarista em tom de brincadeira, mas não foi o suficiente para mudar a ideia de Pascoal.

"Há coisas que temos que preservar no mínimo a educação, cultura. Vocês podem gostar e eu não. Tudo tem contexto, explicação. Viralizamos coisas que não significam absolutamente nada. Vamos viralizar que o cara limpa o vestiário, que as crianças possam limpar a escola onde vão estudar. Vamos viralizar coisa boa", afirmou.

A discussão sobre o tema terminou quando o programa foi para o intervalo.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

Mais UOL Esporte vê TV