PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Disney tem até fim de 2020 para concluir venda do Fox Sports

Gabriel Vaquer

28/02/2019 08h54

Definida ontem pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), a venda obrigatória do Fox Sports pelo grupo Disney tem um tempo razoável para acontecer.

Segundo apurou a reportagem, a Disney vai ter até o fim de 2020, cerca de um ano e meio, para concluir todo o processo. No julgamento, o prazo não foi divulgado. A fusão foi aprovada por 4 a 2 pelo Conselho, em termos que foram antecipados pelo UOL Esporte na terça (26).

Leia também
Disney decide vender Fox Sports e Libertadores após impasse com Cade

Se até lá não conseguir, o Cade irá aplicar uma multa milionária na Disney e pode ter o poder de barrar o negócio por descumprimento de acordo. A empresa americana já procura um possível interessado.

O Cade também aprovou o negócio após consultar no processo várias empresas. Foram consultadas pelo conselho Viacom, RedeTV!, Record, SBT, Band, Sony, Simba, Turner e Discovery. O Cade garantiu que houve interessados nessa consulta, sem exemplificar.

Dessas, apenas Viacom e SBT deixaram na versão pública do processo sua posição, de não ter interesse nesses ativos por diferentes motivos. A Viacom diz que não tem interesse em investir em esportes, enquanto o canal de Silvio Santos afirmou que só atua em TV aberta.

O comprador não precisa vir necessariamente destes grupos em que o Cade consultou. A Disney busca também outros conglomerados de fora, já que a venda do Fox Sports deverá ser exigida em por órgãos controladores de outros países, como o México.

Apenas a Globosat não pode adquirir esses ativos, por também determinação do Cade, por conta do alto poder de mercado que o Grupo Globo já tem. A venda terá que ser feita na chamada "porteira fechada", com estrutura, funcionários e direitos de transmissões, como a Libertadores, onde a Fox tem o principal pacote de TV paga, com direito a final exclusiva na mídia.

A Disney adquiriu os ativos de cinema e parte de televisão da 21st Century Fox por US$ 71,3 bilhões. Entre os ativos que foram comprados estão os canais pertencentes a Fox na América Latina, como a homônima, o Fox Sports e a NatGeo.

Procuradas para falar sobre a venda, Disney e Fox Sports não se pronunciam sobre o assunto.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

UOL Esporte vê TV