Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

Imagem que mostra mão na bola em gol do River não poderia ser usada por VAR

UOL Esporte

01/11/2018 20h29

Crédito: Reprodução/SporTV

A imagem da TV que mostra uma irregularidade no primeiro gol do River Plate contra o Grêmio na semifinal da Libertadores, ocorrida na última terça-feira (30), não poderia ser acessada pelos operadores do árbitro de vídeo.

Segundo apurou a reportagem, o momento que deixa claro que houve o toque de mão, numa câmera que ficou posicionada atrás do gol de Marcelo Grohe, era exclusiva do SporTV e não da geração de imagens da Libertadores.

O principal frame do lance conseguido pela geração, vindo de uma câmera posicionada no alto, não deixa claro se houve um toque na mão do jogador argentino. No entanto, essa era a única disponível pelos operadores do VAR.

Na transmissão da partida e nos telejornais do Grupo Globo, a imagem do toque claro de mão também foi aumentada com uma lupa e reprisada à exaustão, o que reforça o grau de exclusividade da emissora carioca.

Um profissional que estava diretamente na coordenação da transmissão do jogo pelo SporTV confirma a informação e diz ainda que é muito comum o canal de TV paga colocar pelo menos dez câmeras próprias para complementar a geração vinda da Conmebol.

O jogo entre Grêmio x River Plate gerou bons frutos para o SporTV. A partida foi a segunda maior audiência da TV paga no ano, marcando 4,29 pontos de audiência. Perdeu apenas para a eliminação do Brasil na Copa do Mundo da Rússia, contra a Bélgica, que marcou 4,40. O Fox Sports, que também mostrou o jogo, marcou 1,57 ponto.

Os jogadores do Grêmio ficaram revoltados com a falta de análise de lances pelo VAR, mesmo com vários pedidos para que isso fosse feito pelos gremistas em inúmeros momentos, incluindo no polêmico primeiro gol.

Crédito: Reprodução/TV Globo

"Quando saiu o gol deles, voltamos para o meio, pedimos para o árbitro revisar o lance. Ele respondeu: estamos revisando. Ele disse que estavam revisando, e não estavam. Depois disse para recomeçarmos a partida. Num lance crucial do jogo… É dolorido", disse o atacante Jael. "Eu estava longe do meio do campo, mas o pessoal contou aqui no vestiário que o árbitro disse para eles que revisou o lance, e deu sequência", afirmou o goleiro Marcelo Grohe.

O Grêmio ainda não desistiu de estar na final da Libertadores. O clube gaúcho entrou com uma representação por conta do descumprimento de uma punição imposta pela Conmebol por parte do técnico do River Marcelo Gallardo. Ele havia sido suspenso, mas comandou o seu time das tribunas, quando não poderia nem estar na Arena do Grêmio.

Gabriel Vaquer
Colaboração para o UOL, de Aracaju (SE)

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

Mais UOL Esporte vê TV