Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

Comentaristas e repórteres lamentam fim do EI nas redes sociais

UOL Esporte

09/08/2018 15h20

Tão logo o anúncio do fim das atividades do Esporte Interativo surgiu, repórteres e comentaristas da emissora se manifestaram por meio das redes sociais. O canal demitiu cerca centenas de funcionários e sua programação migrará para a TNT e o Space.

Apresentador do canal, Alê Gimenes foi um dos primeiros a se manifestar sobre as demissões. "Já diria o poeta: 'Tristeza não tem fim… Felicidade sim!' #oSonhoAcabou", escreveu nas redes sociais.

Quem também se manifestou foi o ex-presidente do Esporte Interativo, Edgar Diniz. Em seu Facebook, ele afirmou que "um bando de malucos" se juntou para "transformar a vida de milhões de brasileiros através da emoção do esporte" e disse que a história construída jamais será destruída.

O encerramento do Esporte Interativo passaria também pela aquisição da Turner, empresa dona do canal, pela AT&T, gigante de telecomunicações americana e proprietária da operadora SKY. Para se adequar às leis brasileiras, é necessário que o grupo reduza a operação para não ser acusado de abuso de poder econômico. Ficou decidido, então, que não valeria a pena manter uma marca local, como Esporte Interativo, e colocar em risco um acordo mundial.

Outros motivos para a decisão foram o corte de custos aliado ao momento de perda de assinantes na TV fechada no Brasil e a baixa audiência (exceto transmissões ao vivo da Champions League).

Confira as manifestações de repórteres e comentaristas do EI nas redes sociais:

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

Mais UOL Esporte vê TV