UOL Esporte vê TV

Emotivo, Edmundo relata dificuldade na base: "Podia ficar no meio do caminho"

UOL Esporte

16/05/2017 15h35

Reprodução/FOX Sports

Participando do programa FOX Sports Rádio nesta terça-feira (16), Edmundo emocionou-se ao relatar as dificuldades que acompanhou na categoria de base, sobre o sonho de virar jogador que fica pelo caminho e da consequente incerteza para muitos garotos em relação ao futuro profissional.

“Eu tinha uns sonhos na vida que um dia ainda pretendo realizar. Talvez quando conseguir ser presidente do Vasco, que pretendo ser, isso não é segredo para ninguém. Vi muitos atletas, porque é o seguinte: começa com um grupo de 50 meninos no mirim, aí sobe para o infantil 30, para o juvenil 20, não são exatamente esses números, (mas) quando chega ao profissional sobem três ou quatro. Os outros fazem o quê da vida? Então sempre tive um desejo de…”, interrompeu a fala, quase indo às lágrimas.

“Me emociono porque eu podia ser um desses e ficar no meio do caminho”, desabafou o ex-jogador no programa, para, refeito da emoção, explicar a iniciativa social que pretende realizar.”Meu sonho é implantar no clube um trabalho de preparar o cara em uma outra atividade. Já conversei isso com o presidente do Senai e do Sesc, do Rio, para implantar uma parceria para que o menino tenha uma outra profissão, uma outra atividade em paralelo, que quando ele chegar aquele momento de definir se vai ser jogador de futebol ou não.”

“Hoje está mais fácil, tem leste europeu, China, tem jogadores saindo da base e indo toda hora pra fora, tem muita oportunidade, mas na minha época para subir era uma dificuldade”, recordou, mencionando, em seguida, a história de um amigo na base vascaína que não conseguiu virar jogador profissional e atualmente guia táxis para sobreviver.

“Eu vi, estava na sala do Paulo Angioni (dirigente que trabalhou no clube cruz-maltino). Um dos maiores destaques na minha categoria, com o pai entrado chorando na sala e falando: ‘O que eu faço com meu filho agora? Ficou 15 anos aqui no Vasco e não foi jogador profissional’. E hoje esse menino é meu amigo, não é demérito nenhum, não é vergonha nenhuma, é um trabalhador honesto, mas dirige táxi”, compartilhou na atração esportiva.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.title}}

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
UOL Esporte vê TV
Topo