Topo

Edmundo se irrita e discute com PVC ao vivo após eliminação do São Paulo

UOL Esporte

12/05/2017 01h38

Uma declaração confusa de Vinicius Pinotti, diretor do São Paulo, gerou saia-justa entre dois comentaristas da "FOX Sports" após a eliminação do São Paulo da Copa Sul-Americana.

Questionado na zona mista do Morumbi se Rogério Ceni era inquestionável no comando da equipe, o cartola tricolor respondeu de forma afirmativa, mas acabou "comendo" a primeira sílaba da palavra, o que gerou toda a confusão. "(Ele é) Questionável totalmente". A afirmação causou dúvida nos comentaristas sobre o sentido da palavra, já que Pinotti havia defendido a manutenção do treinador em toda a entrevista.

Edmundo afirmou categoricamente que Pinotti havia dito que o trabalho era "questionável", enquanto Paulo Vinicius Coelho e os demais integrantes do programa (o narrador Gustavo Villani, o apresentador José Ilan e o também comentarista Rodrigo Bueno) ficaram em dúvida sobre o que o diretor teria dito, mas que tinham certeza de que o sentido havia sido de "inquestionável".

Depois de um intervalo, o programa reprisou a declaração, mostrando que Pinotti realmente disse "questionável". Quando a imagem voltou para o estádio, onde estavam PVC, Edmundo e Villani, era nítido a cara fechada do ex-jogador, enquanto os outros dois integrantes davam risada. PVC mandou mensagem para o cartola são-paulino para esclarecer a dúvida sobre o termo utilizado, fato que irritou o ex-jogador.

Confira na íntegra a discussão que aconteceu ao vivo:

PVC: O Edmundo estava certo.

Edmundo: Não, eu não estou certo, não. Vocês jornalistas é que estão certos. Vocês estão sempre contra, a última palavra tem que ser sempre do PVC. Vai, PVC. Você já não mandou mensagem para o diretor lá e ele não te respondeu que foi…

PVC: "A Última Palavra" é o nosso programa de domingo.

Edmundo: Não, a última palavra tem que ser sempre sua.

PVC: Não, não tem.

Edmundo: Porque você sempre questiona a minha opinião. Sempre é assim.

PVC: Não, Edmundo, desculpe.

Villani: A gente teve dúvida se era questionável ou inquestionável. Você tem razão.

Edmundo: Só estou dizendo que jornalistas têm razão. Estou aqui de entrujão.

PVC: Edmundo estava certo, a palavra que ele foi foi questionável. Querendo falar certo ou errado, ele falou errado. O que falou foi questionável. O fato é que na entrevista, ele (referindo-se agora ao técnico Rogério Ceni) disse que não vai sair. E assim…

Edmundo: Para quê você mandou mensagem para ele se ouviu em alto e bom tom?

PVC: Eu não ouvi em bom tom.

Edmundo: Você não ouviu? Repetiram no intervalo mais de dez vezes.

PVC: Edmundo, me desculpe.

Edmundo: Não, eu não desculpo. Não é a primeira vez que você faz isso.

PVC: Desculpe.

Edmundo: Não, não desculpo porque não é primeira vez.

Villani: Eu não entendi. Você mandou mensagem para o Vinícius Pinotti perguntando se vai cair? Do tipo tá pressionado?

Edmundo: Aí o Pinotti respondeu para ele: Inquestionável

PVC: Não

Villani: Ele respondeu que…

PVC: Não, não. Vamos lá, vamos por partes. Essa última pergunta que ele está querendo dizer é o seguinte. Depois que a gente ficou na dúvida

Edmundo: Eu não tive dúvida. A dúvida é de vocês

PVC: O Ilan teve dúvida, o Rodrigo Bueno teve dúvida, o Gustavo Villani teve dúvida e eu tive uma dúvida. E eu disse que achei que ele engoliu uma sílaba. O que eu estava errado. Ele disse questionável, como você (Edmundo) disse. Quando a gente ouviu no intervalo aqui, eu achei que podia tentar melhorar a compreensão para mim e mandei uma mensagem para o Vinícius Pinotti perguntando assim: "A gente ficou na dúvida da sua resposta. Você respondeu se ele é questionável ou inquestionável?" Aí disse para ele em seguida: "Questionável ouvi aqui agora". Aí ele respondeu: "O trabalho é inquestionável". É a resposta do Vinícius Pinotti para minha pergunta no WhatsApp. Eu queria tirar uma dúvida

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

UOL Esporte vê TV