Topo
UOL Esporte vê TV

UOL Esporte vê TV

'Aprovada' pelo pai, filha de Datena deixa Fox por carreira fora do país

UOL Esporte

24/09/2016 06h00

WhatsApp Image 2016-09-15 at 10.22.53

Letícia chegou ao Fox Sports no começo de 2014. A princípio, o sobrenome escolhido para usar foi o Wiermann, da sua mãe. Mas, em todos os momentos, ela viu seu nome ser acompanhado do Datena, seu pai. Sua referência no jornalismo esportivo, o apresentador da Band fez o trabalho de crítico televisivo em relação ao trabalho dela. E para alegria de Letícia, ela foi aprovada.

"Ele tem 40 anos de jornalismo e assiste os programas. Ele começou no jornalismo esportivo e é apaixonado por esporte, mais até do que o estilo que faz hoje. Ele assistia meus programas e me ligava depois para me passar o ponto de vista dele. Assistiu até o ponto que achou que eu estava pronta, estava tudo certo. Para mim, foi um alívio porque ele é muito crítico. Falava: 'está bom, mas mudaria isso'. Nesta vez, ele disse que não mudaria nada", falou Letícia ao UOL Esporte. "Passei no controle de qualidade Datena", completou brincando.

WhatsApp Image 2016-09-15 at 10.25.14Mas, quem se acostumou a ver Letícia na Fox Sports terá de esperar um pouco mais para voltar a vê-la na TV brasileira. A apresentadora chegou a um acordo com a emissora depois da Olimpíada e resolveu deixar o canal. O seu futuro ainda é guardado em segredo, mas ela trabalha em novos projetos, fora do país, mais precisamente, no Chile.

"Eu saí da Fox Sports pouco antes de terminar o contrato, mas tenho relação boa com eles. Eu tinha planos de trabalhar no mercado latino na televisão, como havia feito antes. Morei dez anos fora, grande parte da minha carreira foi fora do Brasil. Dos dez anos, estive cinco nos Estados Unidos, em Miami e Nova York, nesta oportunidade, trabalhei na TV Azteca do México, fiz ainda trabalho pontuais para canais latinos. Falo espanhol fluente e tinha vontade depois de cobrir os Jogos", disse.

Quando fechou com a Fox Sports, Letícia tinha como objetivo principal trabalhar na Copa do Mundo de 2014 e na Olimpíada de 2016. Nos Jogos do Rio de Janeiro, ela fez um trabalho diferente do que estava acostumada. Sua atividade, que incluía gravar e editar vídeos, era feita toda no celular. "Foram dias intensos no Parque Olímpico, consegui entrar em locais em que outras pessoas não conseguiam", relembra.

Apesar do suspense em relação ao futuro de sua carreira, Leticia garante que deverá continuar fazendo o trabalho que apresentou nos dois anos de Fox Sports, uma espécie de jornalismo esportivo misturado com entretenimento.

"Acho que é dessa forma que gosto de trabalhar e vou continuar seguindo. Sempre gostei e acompanhei esporte. Antes eu fazia entretenimento, mas sempre com vontade de ir para o meio do esporte, fazer esporte", afirmou.

WhatsApp Image 2016-09-15 at 10.23.19Antes da Fox Sports, Leticia foi apresentadora de um programa de moda na Mix TV (ela trabalha como modelo desde os 14 anos e ainda hoje faz trabalho como garota-propaganda). A sequência da carreira a colocou como repórter do quadro "Tem Gente Atrás", no Domingão do Faustão.

E se os sonhos do momento estão fora do Brasil, Letícia garante que um dia pretende voltar para a televisão brasileira.

"Tenho (vontade de voltar). Graças a Deus, esse negócio de trabalhar cedo ensina muitas coisas. Sou uma pessoa fácil de trabalhar, não tem nenhum lugar que sai e deixei porta fechada, nunca briguei, nunca tive problema. Então, como disse, tem certas coisas que quero fazer, melhor fazer quando é mais jovem. Não tenho filho, agora é a hora de fazer o que estou fazendo. Mas, eu amo o Brasil e tenho muitos contatos. Tenho pessoas com quem trabalhei, são 12 anos fazendo coisas na TV, até surgem convites. Depois de atingir objetivos, se rolar algo bacana, não vejo porque não voltar", finalizou.

Leandro Carneiro
Do UOL, em São Paulo

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.