PUBLICIDADE
Topo

“Filma Eu” não funciona na Copa. Nem adianta apelar ao Tadeu, do Fantástico

UOL Esporte

22/06/2014 15h06

DSC_3017

Você já percebeu que, na Copa do Mundo, o número de pessoas que aparecem com o cartaz de "Filma Eu" é pequeno? Pois a história de Jaílson Gamboa explica o motivo disso. Ele já tentou duas vezes aparecer na TV durante o Mundial. Não conseguiu em nenhuma delas. Mas promete tentar uma terceira vez.

O primeiro não

Jaílson é daquele tipo de torcedor que vai ao estádio não para ver a partida, mas para ser visto. Em um jogo da Copa do Mundo na cidade de Curitiba, levou um cartaz pedindo para ser filmado pelos telões que transmitem a partida. Os câmeras não colaboraram.

"Eu fui ao jogo em Curitiba e não me filmaram. Queria aparecer no telão, mas não deu. Agora, queria aparecer no Fantástico [programa da Rede Globo]. Pelo menos assim eu conseguiria ser visto", brincou Jaílson.

O segundo não

Para aparecer no programa dominical, a estratégia era simples: ele escreveu um recado direto para o apresentador do programa, Tadeu Schmidt – com direito a erro de português. "Pooo Tadeu, a Fifa não quér (sic) me filmar".

Ele levou o cartaz, então, ao local em que o repórter Rodrigo Albornoz faria entrada ao vivo do Sportv em Porto Alegre. Mas novamente teve os minutos de fama negados. Antes da entrada ao vivo, os auxiliares de filmagem do Sportv pediram que Jaílson escondesse o cartaz. "Eles não querem que o cartaz apareça. O senhor pode esconder, por favor?", pediu um profissional da rede de televisão.

A terceira… Tentativa

"Não deu de novo, mas o que vale é inovar", comentou. "Queria que minha família me visse, mas não deu", comentou. Durante o jogo entre Coreia do Sul e Argélia, neste domingo, uma nova investida contra as câmeras da Fifa ou da Globo como alvo será feita. Mas sem grandes expectativas. "Acho que não vou conseguir", aceitou.

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

UOL Esporte vê TV