PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Dunga em fase "relax" gargalha com Adnet e interage sobre sexo no Altas Horas

UOL Esporte

23/11/2012 06h00

Bruno Freitas, do UOL Esporte

Provavelmente nunca se verá um Dunga tão descontraído na TV quanto no próximo final de semana. Há dois anos e meio livre da pressão massacrante que costuma pairar sobre um técnico da seleção rumo à Copa, o gaúcho mostrará seu lado mais relaxado e descontraído no Altas Horas de Serginho Groisman, na Globo. Sentado ao lado do comediante showman Marcelo Adnet, o capitão de tetra se soltou, arriscou piadas e até interagiu no quadro que fala de sexo no programa.

A companhia do humorista da MTV relaxou Dunga, selando a reaproximação com a Globo depois da relação de turbulências da última Copa [há poucos dias o Esporte Espetacular exibiu longa entrevista com o treinador, ocasião em que fez as pazes com o jornalista Alex Escobar, com que se desentendeu na África do Sul].

Quem se acostumou com o Dunga incisivo de feição carrancuda das entrevistas coletivas da seleção verá o treinador gargalhar no programa de Serginho Groisman. O treinador se deliciou com performances de Adnet imitando o ator José Wilker falando de posições sexuais e durante a reprodução do humorista de um famoso discurso do ex-presidente Collor.

Nos intervalos, Dunga participou com animação de resenhas com Adnet e alguns dos demais convidados, o ator Ricardo Tozzi e o piloto de automobilismo Rubens Barrichello.

"Nunca me senti tão bem [na televisão]. As pessoas falavam do Dunga que não gostava da imprensa, mas hoje pude sorrir bastante aqui. Me senti muito à vontade", declarou o treinador no desfecho do programa.

"Não conhecia o Dunga, o Rubinho. Mas a gente passou um par de horas aqui e parecia que já éramos amigos. Falamos cada sacanagem nos intervalos. O Dunga falou cada barbaridade", brincou Adnet.

À vontade, Dunga interagiu sem medo no quadro do programa que debate as dúvidas sexuais da plateia adolescente, mediado pela sexóloga Laura Muller. No começo da conversa, Serginho perguntou ao treinador como ele ajudou seus jogadores da seleção a se aliviarem carnalmente durante a sacrificante concentração da Copa de 2010.

"Não posso resolver isso. Eles tinham o tempo livre deles, a família de cada um estava lá. É cada um por si, e Deus por todos", respondeu Dunga com humor.

Mais adiante uma adolescente citou um curioso caso em que supostamente uma amiga teria "invertido" de lado os testículos do namorado durante um ato sexual mais intenso. "No jogo de futebol dá para inverter os laterais", intercedeu Dunga, com um sorriso e um gesto típico de treinador à beira do campo.

O capitão da seleção na Copa de 94 [ainda disputou como jogador as edições de 90 e 98] também tratou de futebol. O gaúcho de 49 anos falou em voltar a trabalhar como técnico em 2013. Sobre o Mundial do Brasil, disse que o povo poderá compensar as esperadas deficiências de estrutura.

"As coisas não vão ficar totalmente prontas, mas em nenhuma Copa em que eu participei estavam. Será a Copa do ser humano. Só o povo brasileiro poderá tapar os buracos, com a sua alegria e festa. Vai ser o diferencial", opinou.

O Altas Horas com Dunga vai ao ar na TV Globo no dia 8 de dezembro.

LEIA MAIS:

Dunga quer voltar a trabalhar em 2013 e vê retorno à seleção: "quase impossível"

Fotos: TV Globo/ Zé Paulo Cardeal 

Sobre o Blog

A TV exibe e debate o esporte. Aqui, o UOL Esporte discute a TV: programas esportivos, transmissões, mesas-redondas, narradores, apresentadores e comentaristas são o assunto.

UOL Esporte vê TV