Blog UOL Esporte vê TV

Barcos ganha elogios curiosos de narradores após golaço: “danadinho” e “lento”

UOL Esporte


Foto: Célio Messias/AE

O golaço de Hernán Barcos contra do Linense causou reações distintas e curiosas dos narradores Téo José, da Band, e Cléber Machado, da Globo. O atacante palmeirense foi elogiado com palavras como ''danadinho'' e ''lento'' (no bom sentido).

''Olha o Barcos aí, ó. Ele é valente, ele é danadinho. Olha o toque por cobertura, vai pintar o golaço'', disparou Téo José. ''Eu falei que ele era danadinho, que ele era valente'', completou, depois que o atacante palmeirense encobriu o goleiro e marcou o segundo gol na vitória por 3 a 1 sobre o Linense.

Até Renata Fan brincou com a narração do companheiro de Band, na edição desta quinta-feira do ''Jogo Aberto''. ''O Téo José falou que o Barcos é danadinho, danadinho. Agora, todo mundo vai chamar o Barcos de danadinho.''

Já Cléber deixou no ar que Barcos não é aquela maravilha, mas sabe fazer gols. “Vai se revelando como um jogador com bons recursos. Ele é lento, ele não é habilidoso. Ele deu um pique bom. E deu uma meia-lua espetacular no Pablo. E para completar, um toque sutil.”

Leia também: >> Barcos faz golaço, Palmeiras volta à vice-liderança e chega a 17 partidas de invencibilidade
>> Neto se confunde ao comparar gol de Barcos ao de Messi: “Foi mais bonito, mas foi igual”