Blog UOL Esporte vê TV

Arquivo : tiago leifert

Fernanda Gentil tem estreia discreta em SP na vaga de Tiago Leifert
Comentários Comente

UOL Esporte

(Crédito: Reprodução/TV Globo)

(Crédito: Reprodução/TV Globo)

Fernanda Gentil estreou nesta segunda-feira como apresentadora do Globo Esporte para São Paulo. No entanto, se o público paulista esperava um tom particularmente descontraído com a substituta de Tiago Leifert (que volta a apresentar o The Voice Brasil), pode ter se decepcionado. Gentil foi formal, fez poucas piadas e praticamente deu pouco destaque para sua primeira apresentação para a praça.

O primeiro bloco do programa exibiu a vitória do São Paulo sobre o Sport por 2 a 0, mas foi dedicado em boa parte às manifestações racistas das quais o goleiro Aranha foi alvo em 28 de agosto, no jogo contra o Grêmio. Primeiro, citou as manifestações contra o racismo no jogo Flamengo 0 x 1 Grêmio, neste final de semana, em duelo nesse sábado. Fernanda lembrou o pedido de casamento de um torcedor na arquibancada – segundo a apresentadora, “o amor prevaleceu”.

As manifestações foram novamente assunto na reportagem da vitória do Santos sobre o Vitória por 3 a 1, com direito a declarações do próprio Aranha. Depois, a apresentadora citou o jogo da Série D entre Tombense (MG) e Operário (MT), no qual o goleiro do time mato-grossense, Igor, reclamou ter sido ofendido por torcedores da equipe mineira.

No segundo bloco, a apresentadora recebeu o comentarista Caio Ribeiro para analisar a denúncia de agressão de Paolo Guerrero, atacante do Corinthians, no jogo contra o Bragantino em Cuiabá pela Copa do Brasil. O ex-jogador ainda avaliou o jogo Atlético-PR 1 x 1 Palmeiras, e foi responsável por um discreto desejo de boas-vindas à substituta de Tiago Leifert na condução do programa. Na sequência, o programa teve reportagens sobre a vitória do Brasil no Mundial masculino de vôlei e sobre o terceiro lugar de Felipe Massa no Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1.

Após novo intervalo, a apresentadora chamou a reportagem a respeito do amistoso entre Brasil e Equador nos Estados Unidos, seguida de imagens do amistoso no futsal entre Brasil e Argentina. Aproveitando o gancho, chamou a reportagem do duelo entre os dois países pelas oitavas de final da Copa do Mundo masculina de basquete, disputada na Espanha.

No fim, a única menção à estreia. Ao encerrar o programa, Fernanda Gentil despediu-se do público: “amanhã e até o final de dezembro, eu estou de volta”.


Xingado, Tiago Leifert diz que Valdivia foi “extremamente baixo”
Comentários Comente

UOL Esporte

Tiago Leifert
Tiago Leifert

[tagalbum id="23588"]

O apresentador da TV Globo Tiago Leifert enfim comentou a polêmica em que se envolveu com o palmeirense Valdivia. O jogador xingou Leifert em uma rede social, depois de brincadeiras do jornalista e da equipe do Globo Esporte.

Em entrevista ao Altas Horas, Tiago Leifert disse: “Na hora que eu li, achei melhor encerrar tudo, porque achei extremamente baixo e totalmente desproporcional”.

Leifert nega que tenha o Globo Esporte tenha feito a brincadeira direcionada a Valvidia. “Naquele programa, estava tirando sarro de mim mesmo, porque tinha ficado um tempão sem trabalhar por ter ficado doente. Acho que quem trabalha com esporte tem que ter espírito esportivo acima de tudo e quem perde esse espírito é porque está doente com esporte e precisa repensar.”

No programa do último dia 20, o Globo Esporte usou o nome do camisa 10 para se referir ao apresentador Tiago Leifert, devido ao excesso de ausências do apresentador no vídeo. No dia seguinte, a brincadeira voltou e Leifert chegou a fingir uma lesão e puxar a perna. No Twitter, Valdivia se descontrolou e xingou:

valdivia

Para encerrar o assunto, o apresentador do Globo Esporte mandou uma mensagem positiva. “Queria mandar um abraço para ele, estimar melhoras e dizer que entendo que ele devia estar de cabeça quente. Tenho certeza de que ele se arrependeu.”


Valdivia se revolta e xinga apresentador da Globo após brincadeira no ar
Comentários Comente

UOL Esporte

O Globo Esporte iniciou na última quarta-feira (20) uma brincadeira com o meia chileno Jorge Valdivia, que defende o Palmeiras. O programa da TV aberta usou o nome do camisa 10 para se referir ao apresentador Tiago Leifert pelo excesso de ausências no vídeo. E o jogador não gostou nada disso.

Em post na rede social Twitter, Valdivia se descontrolou e xingou Leifert nesta quinta-feira (21).
valdivia
Leifert começou a ser chamado de Valdivia no ar por outras pessoas que trabalham no Globo Esporte, em tom de brincadeira, porque estaria aparecendo pouco no ar. Nesta quinta-feira, no fim do programa, ele chegou a colocar a mão na coxa e simular uma lesão.

A brincadeira é uma alusão ao excesso de lesões de Valdivia, sobretudo na segunda passagem do chileno pelo Palmeiras. O último problema aconteceu no último domingo (17), no primeiro tempo da derrota por 2 a 1 para o São Paulo. O chileno entrou em campo com uma fratura no nariz – ele havia sofrido o problema em um treino – e ainda sofreu uma lesão de grau 1 no músculo posterior da coxa direita. Por isso, teve de ser substituído.

A lesão muscular vai afastar Valdivia do Palmeiras por pelo menos um mês. A fratura no nariz, que ele havia sofrido em um treino, não terá tanto problema – o chileno só vai passar por intervenção cirúrgica no fim da temporada.

O jogo contra o São Paulo foi o primeiro de Valdivia pelo Palmeiras desde 23 de junho. Liberado para disputar a Copa do Mundo pelo Chile, o meia viajou depois para acertar com o Al Fujairah, dos Emirados Árabes Unidos. No entanto, a transferência não se concretizou, e ele ainda passou pela Disney antes de se reapresentar ao clube.

Depois da publicação de Valdivia, Leifert respondeu em um blog do site “Globoesporte.com”. “Sou fã do Valdivia. Desejo que ele volte logo e que tenha muita saúde”, escreveu o apresentador global.



Leifert tira braço de ferro com ‘mais forte do mundo’. E vence
Comentários Comente

UOL Esporte

TIAGO

Tiago Leifert roubou a cena durante o Esporte Espetacular deste domingo. Escalado para transmitir um evento que reuniu os ‘atletas mais fortes do mundo’, o apresentador esbanjou bom humor e desafiou um dos grandalhões para a disputa de um braço de ferro.

Leifert resolveu desafiar o lituano Zydrunas Savickas, vencedor do Força Bruta, evento que testou a força dos enormes competidores.

Para ter uma chance, Leifert pediu para  começar com vantagem na disputa, já próximo de bater a mão do campeão contra a mesa.

Enquanto o apresentador visivelmente fazia muita força, o lituano simplesmente mantinha o braço estendido, sem se esforçar. No fim, o atleta permitiu a vitória de Leifert.

“Sabe de nada, inocente. Aqui é Tiago Leifert! Eu te disse, sou um cara muito intimidante. Foi por isso que me escolheram para esse evento, têm medo de mim. Eu, o homem mais forte do mundo, ao lado desses caras que são coadjuvantes”, brincou o apresentador.


Tiago Leifert pede ajuda para aumentar coleção de camisas de futebol
Comentários Comente

UOL Esporte

Reprodução/Globo

Você é jogador de futebol e está procurando um cara legal para homenagear, entregando uma camisa? Pois não procure mais! Apresentador do Globo Esporte em São Paulo, Tiago Leifert ganhou uma camisa do atacante Gabigol, do Santos, e admitiu: aceita contribuições para sua coleção…

Com a camisa santista na mão, ele foi sincero em seu recado: “Ganhei a camisa do Gabriel, Gabigol, do amigo Tiago. E mandem camisas, também. Que eu gosto. Eu faço coleção!” E aí, você acha que o número de camisas que ele vai ganhar agora vai aumentar?

Para quem não lembra, no ano passado Palmeiras, São Paulo e Santos entraram em uma brincadeira com o apresentador e as camisas. Em janeiro, ele foi ganhou um presente de Paulo Nobre, presidente palmeirense, na terça-feira, uma camisa do São Paulo de Juvenal Juvêncio, mandatário são-paulino, na quinta e uma camisa do Santos, do então capitão da equipe, Edu Dracena, na sexta.

Quem também costuma receber muitas camisas em seu programa é Neto. A cada edição do Donos da Bola, ele costuma exibir os presentes que recebe, incluindo de times amadores – que ele faz questão de exaltar.


Leifert muda de ideia e agora aprova fim de namoro de Neymar
Comentários Comente

UOL Esporte

O fim do namoro entre Neymar e Bruna Marquezine será bom para o Brasil na Copa do Mundo. Essa é a opinião do apresentador Tiago Leifert, que ‘comemorou’ o fim do relacionamento entre o atacante e a atriz global durante edição do Globo Esporte desta sexta-feira.

“É bom para ele focar no futebol. A abertura da Copa do Mundo será no dia 12 de junho, Dia dos Namorados no Brasil. Ele não pode ficar pensando no jantar com a Bruna Marquezine depois”, brincou o apresentador.

Leifert parece ter mudado de ideia sobre a importância do relacionamento para o futuro do Brasil na Copa do Mundo. No início do mês, ao comentar a foto postada pela atriz no aniversário do atacante, o apresentador apontou o namoro como importante para dar tranquilidade a Neymar em um momento de turbulência na carreira.

“Ela tem o dever cívico de tratar bem o Neymar. Bruna, se a gente perder [a Copa] a culpa vai ser sua”, brincou Leifert na ocasião.

Dias após o anúncio do fim do relacionamento com Marquezine, Neymar usou sua conta no Instagram para brincar sobre estar solteiro no Valentine’s Day, o Dia dos Namorados nos Estados Unidos e Europa comemorado no dia 14 de fevereiro.

“Valentine’s day ! #Fail kkkkkkk”, postou o jogador junto a uma foto em que aparece fazendo um coração com as mãos.

neymar

Em 2013, Neymar postou foto ao lado de Bruna Marquezine durante o Valentine’s Day. O jogador também utilizou sua conta para fazer uma declaração de amor à atriz no Dia dos Namorados brasileiro, em junho do ano passado.

Neymar e Bruna Marquezine anunciaram o término do relacionamento na última terça-feira. Acostumados a trocar juras de amor pela web, o casal retirou suas fotos juntos das redes sociais.


Falta de Libertadores na Globo SP gera ‘editorial’ de Leifert contra times
Comentários Comente

UOL Esporte

leifet

A ausência dos times paulistas na Libertadores não alterou somente a rotina dos torcedores, acostumados a acompanhar os jogos pela televisão nas quartas-feiras à noite. Durante edição desta quinta do Globo Esporte, Tiago Leifert lamentou, em tom de brincadeira, que São Paulo tenha que se contentar a assistir um filme enquanto o restante do país curte a principal competição das Américas.

Coincidentemente ou não, o ‘desabafo’ do apresentador serve de resposta aos torcedores que, pelas redes sociais, reclamaram muito de a emissora não exibir partidas de Cruzeiro ou Flamengo para o Estado.

“Agora queria falar com você que errou pênalti na Copa do Brasil, jogou na mão do Dida, você que não jogou bem o Campeonato Brasileiro, não foi bem na Sul-Americana. Por sua causa, ontem, não teve futebol aqui no Estado de São Paulo”, disse o apresentador.

“O Globo Esporte Rio está lá no México. O Globo Esporte RS está lá no Uruguai. O Globo Esporte MG estava no Peru, na Venezuela. E nós? A gente está em casa, assistindo filme pelos próximos meses. Enquanto nossos colegas vão reclamar da catimba do goleiro, vão apanhar do Martínez, pedir amarelo para o Gutierrez, a gente vai ver Cinema Especial”, completou Leifert.

O que aconteceu na noite da última quarta-feira deve se repetir daqui para frente na tela da Globo. Enquanto a maior parte do Brasil viu a estreia do Flamengo no torneio continental contra o León, do México, São Paulo assistiu a um filme. A Globo Minas exibiu o jogo do Cruzeiro, e estados do Nordeste viram jogos dos regionais locais.

Com a ausência de times paulistas na Libertadores após 15 anos, a Globo optou por não transmitir jogos de equipes de outros Estados para São Paulo. Desta forma, entrou na programação paulista o ‘Cinema Especial’, que nesta quarta exibiu a película “Uma Saída de Mestre”, lançado nos cinemas em 2003, que conta com Mark Wahlberg e Charlize Teron nos papeis principais.

“Que saudade de bater um escanteio com escolta. Pelo menos o filme de ontem tinha Charlize Teron, vai. Foi legal, é bonita ela”, disse Leifert, que ainda aproveitou para brincar com um dos classificados para a Libertadores desse ano.

“Tem um time que sabe bem o que a gente está passando, porque o Botafogo ficou 18 anos sem jogar a Libertadores. 18 anos! A última vez que eles jogaram estava passando Independence Day no cinema”, brincou o apresentador.

Além do jogo do Flamengo para a maior parte do Brasil, a Globo exibiu Real Garcilaso x Cruzeiro em Minas Gerais, Porto x Santa Cruz para Pernambuco,  Jacuipense x Bahia  para a Bahia, Icasa x Horizonte para o Ceará, CEOV x Sinop para o Mato Grosso, e o clássico Figueirense x Joinville para o interior de Santa Catarina.

O futebol às quartas-feiras deve voltar para o torcedor paulista apenas no Campeonato Brasileiro, quando a Globo deve tentar mudar datas de jogos de times de São Paulo e puxá-los para o meio de semana.


Demitido da Gazeta, apresentador ‘pede’ fim de comparações com Leifert
Comentários Comente

UOL Esporte

(Foto: Divulgação)

O dia 3 de novembro estava normal para o apresentador Thiago Oliveira, do programa Super Esportes, na TV Gazeta. Pouco depois da atração terminar, a direção da emissora o demitiu. Mais de 20 dias depois, a tristeza passou, e o jornalista já negocia sua volta às telinhas, desta vez em outra emissora.

“Logo menos eu estou de volta, se Deus quiser. Vamos fazer uma coisa certinha, voltar com tudo, para essa Copa. É uma realização pessoal e profissional. Eu sou realizado só de estar trabalhando. Acredito que até o fim do ano vem coisa para mim”, afirmou o jornalista, em entrevista ao UOL Esporte.

Há alguns anos, Thiago Oliveira vinha sendo comparado a Tiago Leifert, apresentador do Globo Esporte e do The Voice Brasil. Por conta do estilo solto e irrevente no comando do programa, o rótulo de ‘clone de Leifert’ pegou. Na visão do apresentador, porém, essa comparação ficou para trás. Embora deixe claro que não o incomoda, o ex-Gazeta diz que o tema é ‘desatualizado’.

“Eu nunca tive problema com essa comparação, gosto demais do Tiago Leifert. Não incomoda mesmo, gosto de assistir ele. A única coisa é que acho que isso está desatualizado, ficou para trás. Não tem porque continuar com isso, insistir nessa comparação. Ele está no The Voice Brasil, está anos-luz na minha frente. Para mim é um orgulho ser comparado a ele, é um p… cara bom. Mas é algo de três anos atrás, né?”, afirmou Oliveira.

“Foi uma comparação positiva, não teria porque não gostar. Mas hoje ele é editor-chefe do Globo Esporte, comanda um programa musical, de entretenimento. A verdade é que ele é bom pra c… O que não entendo é o motivo de ainda bater nessa tecla, acho que não precisaria mais bater. É um assunto que não tem mais ligação”, completou.

VOTE: QUAL O MELHOR APRESENTADOR ESPORTIVO DO BRASIL?

Saída da Gazeta

No dia em que foi demitido, Thiago publicou um desabafo no Facebook. Alguns textos que veicularam na internet mostravam até mesmo críticas à apresentadora que assumiu o lugar dele. Thiago, porém, nega que tenha dado ‘piti’ e diz que apenas anunciou sua saída do Super Esporte. Ele se defendeu e diz que foi mau-interpretado. Mas não se arrepende de ter publicado o texto em suas redes sociais.

“Aquilo (desabafo) foi mal interpretado. Utilizei minha rede social para falar o que acho. Saiu em alguns lugares que eu critiquei a menina que foi para o meu lugar. Isso não é verdade. Não falei aquilo, e desejo sorte  à emissora e à apresentadora. Quem sou eu para falar algo? Foi um trabalho super positivo ao longo desses seis anos”, declarou Thiago.

“Não (me arrependo). Quem me conhece sabe o profissional que sou. Estava triste, lógico que estava triste. Não sou hipócrita de falar que estava bem, tranquilo. Era o meu trabalho, eu ajudei a criar o programa”, completou.

Em negociações ‘bem-encaminhadas’ com uma emissora, que ele não pode ainda revelar, o apresentador terá em seu provável projeto o objetivo de falar bastante sobre a Copa do Mundo no Brasil, em 2014.

“Agora eu já digeri a demissão. Levei um p… susto mesmo, não imaginava. Tinha até algumas coisas programadas para o ano que vem, estava tudo normal. Mas fiz minha análise, foi um ciclo legal, importante. Saí com a consciência tranquila e ciente que fiz um bom trabalho. Qualquer pessoa está sujeito a esta surpresa. Mas bola para frente, vamos esperar o que Deus reservou”.

“Acredito muito que esse ano mesmo eu já possa dar uma notícia para quem curte meu trabalho e para mim, claro. Vem coisa boa. Graças a Deus vem coisa boa. Vou falar de Copa no Brasil, cobrir a Copa. É uma realização pessoal e profissional. Eu me sinto realizado de estar trabalhando. As coisas estão bem encaminhadas”, finalizou.


Leifert se afasta do Globo Esporte e confirma substituta até janeiro
Comentários Comente

UOL Esporte

Montagem UOL

O apresentador Tiago Leifert deixou de vez o Globo Esporte até janeiro para comandar a segunda edição do The Voice Brasil. No Twitter, ele confirmou a sua substituta durante o período: Cristiane Dias.

“Boa sorte à @crisdiass que apresenta o GESP até janeiro! Valeu @brunolaurence que segurou a bronca por tanto tempo. E vade retro @ivan_more“, escreveu Leifert.

Cristiane Dias já integrava o time do Globo Esporte do Rio de Janeiro, e foi chamada para a equipe de São Paulo.

Na edição de segunda-feira, Bruno Laurence se despediu no ar da apresentação interina do programa.