Blog UOL Esporte vê TV

Globo respeita contrato com o UFC, trata luta de Belfort como reprise, mas não escapa de piadas

UOL Esporte

Cigano voltou a ser convidado da Globo na trasmissão do UFC, ao lado de Sergio Maurício (Foto: Reprodução)

A TV Globo respeitou o contrato que tem com o UFC e só transmitiu a reprise da luta entre Vitor Belfort e Jon Jones 30 minutos após o término do combate, realizado em Toronto, no UFC 152. Diferentemente do que aconteceu em junho, na luta de Junior Cigano, a emissora desta vez não tratou o evento como “ao vivo''.

A luta, de fato, acabou 1h40  (de Brasília). Por volta do mesmo horário, a Globo já exibia reprises das lutas anteriores do card principal do evento. Às 2h07, o apresentador Sérgio Maurício chamou um intervalo, e voltou à transmissão às 2h10. Ali, 30 minutos após o encerramento do combate, começou a transmissão da emissora carioca.

Mesmo assim, porém, os internautas não perdoaram a situação. Nas redes sociais, a Globo voltou a virar motivo de piada e zombaria por transmitir o evento quando boa parte das pessoas já sabia o resultado: derrota de Belfort, por finalização, no quarto round.

A hashtag #Globo figurou entre os assuntos mais comentados do Twitter durante a madrugada, devido a alta quantidade de internautas comentando o assunto. Alguns deles fizeram da situação uma brincadeira e começaram a brincar de arriscar o resultado da luta.

Por contrato, a Globo só pode transmitir ao vivo os eventos do UFC realizados no Brasil. No próximo dia 13 de outubro, por exemplo, haverá a terceira edição do UFC Rio, onde Anderson Silva fará a luta principal contra o americano Stephan Bonnar.

LEIA MAIS SOBRE O UFC 152

Jones confirma favoritismo, finaliza Belfort e acaba com fase vilão

Belfort diz que golpe na costela definiu derrota no UFC 152

Jon Jones diz que Vitor Belfort quase quebrou seu braço

 

Confira abaixo algumas das piadas feitas por internautas: