Blog UOL Esporte vê TV

Repórter dá show, canta Elis com Toquinho no SporTV e surpreende Galvão
Comentários Comente

UOL Esporte

Joanna-de-Assis-cantando_Bem-Amigos

Crédito: Reprodução/SporTV

A atração do Bem, Amigos desta segunda era o super conhecido cantor Toquinho, mas quem surpreendeu e deu show foi a repórter Joanna de Assis, ali geralmente para a leitura de perguntas dos telespectadores, mas que aceitou convite do músico para soltar a voz. E surpreendeu Galvão Bueno e a todos no programa esportivo cantando – e muito bem – O Bêbado e o Equilibrista, canção de Elis Regina.

“Tenho impressão que vamos perder mais um aqui para o entretenimento'', brincou Galvão, certamente referindo-se aos jornalistas da Globo que trocaram o jornalismo pelo entretenimento na Globo, o último deles Tiago Leifert. “Caio, nunca mais você canta aqui'', ainda comentou Galvão. “Parabéns, Joanna, que espetáculo'', elogiou o narrador.

“Ela foi ver um show meu, eu a chamei ao palco e foi aplaudida de pé'', contou Toquinho, dando a entender que a repórter do Sportv leva jeito também na música. “Tinha tomado três taças de vinho, que fique claro'', justificou ela, humilde, antes do desafio de cantar no Bem, Amigos.


SporTV tem pane, apresentadora bebe água no ar, e internautas não perdoam
Comentários 1

UOL Esporte

SporTV tem pane e apresentadora bebe água no ar

O SporTV teve problemas técnicos no começo do programa Planeta SporTV, pior para a apresentadora Janaína Xavier. No início da atração desta segunda-feira, ela chamou um VT sobre os melhores momentos dos Jogos Pan-Americanos, só que o vídeo não entrou.

A imagem seguiu parada em Janaína. Enquanto isso, um assistente de produção entrou em frente à câmera para dar um copo de água para a apresentadora. A jornalista seguiu ali por alguns segundos, mexendo no iPad e olhando para a câmera sem fazer nada.

Ao perceber o erro, a emissora cortou a imagem para o intervalo. Na volta do comercial, Janaína explicou que tinham passado por um problema e chamou novamente o VT.

“Vocês perceberam. A gente teve um problema técnico. Eu já peço desculpas desde já, portanto agora, sim, vocês vão acompanhar os principais destaques do programa de hoje'', falou.

Mas, o pedido de desculpas não foi suficiente para ela escapar da corneta dos internautas.

“Por sorte a Janaína Xavier estava só tomando água. Colocaram do nada ela no ar ao vivo no lugar de um VT sem ela saber”, disse um. “Alguém avisa a Janaina Xavier que ela tá no ar”, falou outro.

Ainda no programa, Janaína voltaria a chamar outro VT que deu problema. Mas, desta vez, ao invés de entrar as imagens chamadas, o programa foi para o intervalo.

Veja a repercussão no Twitter:


Neto diz que seria ídolo palmeirense, elogia Raí e cogita livro de noitadas
Comentários 80

UOL Esporte

Programa que conta apenas com a participação de ex-jogadores, o Resenha ESPN deste domingo (26) contou com uma visita especial. Liberado pela Band, o comentarista e apresentador Neto tomou conta da atração noturna do canal fechado, falou das noitadas dos tempos de boleiro, trocou elogios com Raí, que também participou do programa, e ainda falou da rivalidade com outros grandes nomes do futebol.

Para deleite dos companheiros de estúdio e dos telespectadores, Neto citou diversas boates que frequentava quando era jogador e prometeu que ainda contará em uma biografia alguns dos nomes que caíam na noite junto com ele.

“Você quer algum nome de zona pra vocês, pro Brasil inteiro?'', perguntou e começou a falar alguns deles, em Belém do Pará, Belo Horizonte, Curitiba e Ribeirão Preto, nesta última com ajuda de Raí: “chopp do 'Pinguim' e 'tia Albertina'”.

“No Rio, tinha a 'Help'. Como pode fechar a Help, velho? Isso é um absurdo'', reclamou Neto, que ali relembrou a sua passagem pelo Bangu, no Rio de Janeiro, prejudicada justamente pelas noitadas. “Infelizmente, tinha uma boate dentro do hotel. O quê, meu irmão? Na boate, fiquei seis meses, mas jogando acho que foi uns três'', disse, arrancando risadas de todos.

“Ainda vou escrever um livro sobre isso. Vou colocar nome de todo mundo que foi comigo, mas só quando eu sair da televisão, senão eu vou ser mandado embora'', justificou.

Sempre mais desenvolto do que Raí, Neto trocou elogios com o craque são-paulino. “Foi melhor que eu não só como jogador, mas como pessoa, como atleta, como ser humano, o Raí é um monstro”, disse o apresentador da Band, que também ouviu palavras de exaltação em troca.

“Primeira vez que eu vi o Neto foi na seleção, sub-20 eu acho, tinha 16 anos, camisa 10, magrinho. Era Maradona, não tô brincando. O cara pegava a bola, Messi, Maradona, era nesse nível'', garantiu o ex-camisa 10.

Outros craques também foram elogiados por Neto, entre eles Alex, que estava presente e foi até comparado ao húngaro Ferenc Puskás, Rivellino e Zico, considerado exímio cobrador de faltas como o próprio craque corintiano. “Perto [da área], o Zico foi melhor do que eu, imbatível [nas cobranças]. De longe, fui melhor que ele”.
De bem com a vida, Neto falou até da rivalidade com o ex-goleiro e técnico Leão, responsável por sua saída precoce do Palmeiras. E ainda cravou: seria lembrado até hoje pelos torcedores do clube se não tivesse trocado de time tão cedo.

“[Se tivesse ficado mais tempo,] eu teria me tornado ídolo do Palmeiras'', garantiu após ser questionado na atração por Alex, hoje comentarista, mas que fez história no Verdão. “Eu nunca quis sair do Palmeiras. O Leão [seu treinador, na época] que me mandou embora em 89″, contou Neto.

“Eu fiquei brigado com Leão durante 25 anos e não valeu a pena, porque a coisa mais legal da vida é ter humildade pra saber quando a gente erra, e o Leão também era jovem, ídolo, um cara que disputou quatro Copas do Mundo, e eu pedi desculpa pra ele. Hoje, a gente não é amigo, mas a gente se dá bem'', completou.


Silvio Santos elogia Renata Fan: “Band fez boa escolha”
Comentários 2

UOL Esporte

Silvio-RenataFan_Reproducao-SBT

Em gravação para o Jogo das 3 Pistas exibida pelo Programa Silvio Santos na noite deste domingo, Renata Fan, apresentadora do Jogo Aberto, da Band, ouviu elogios do patrão: “eu sabia que você era uma moça bonita, sabia que trabalhava na televisão, mas nunca passou pela minha cabeça que você foi Miss Brasil [concurso de 1999]'', afirmou em bate-papo durante o quadro, que também contou com Natália Guimarães, também Miss Brasil, em 2007.

“Foi pelo Rio Grande do Sul, sou gaúcha de Santo Ângelo. Não sei como, mas consegui [ser Miss Brasil]'', disse Renata.

“Mas você é uma gaúcha muito desembaraçada. A Band fez uma boa escolha, assim como as pessoas que te elegeram Miss Brasil também fizeram uma boa escolha'', comentou Silvio.

“Já são quase 9 anos trabalhando na Band, mais 3 anos em outra emissora, então a televisão ajuda bastante'', justificou a loira a Silvio, sobre sua facilidade para se comunicar.

Perguntada se já tinha se casada, Renata respondeu que está apenas namorando, a exemplo da colega miss Natália Guimarães: “também namoro há 7 anos, mas não casada.''

“Nenhuma das duas casou? Tá vendo, do que adianta ser bonita, ganhar concurso?'', brincou Silvio com ambas.

Rogério Jovaneli
Do UOL, em São Paulo


Galvão brinca com punições na F1 e pede música para piloto no Fantástico
Comentários 14

UOL Esporte

Maldonado sofreu três punições no GP da Hungria (Crédito: @F1/Reprodução)

Maldonado (esq) sofreu três punições no GP da Hungria (Crédito: @F1/Reprodução)

Que dia para Pastor Maldonado! No Grande Prêmio da Hungria de Fórmula 1 deste domingo, o piloto venezuelano da Lotus sofreu nada menos que três punições da direção de prova.

Maldonado foi punido por 1) causar uma colisão com Sergio Perez, 2) exceder o limite de velocidade no pitlane, e 3) ultrapassar com o safety car a pista. O ‘feito’ rendeu piadas até de Galvão Bueno, narrador da Rede Globo na corrida.

“Três punições e o Maldonado já pode pedir música no Fantástico”, brincou Galvão, em referência à campanha do semanário dominical – no programa, jogadores que marcam três ou mais gols em uma partida de futebol podem pedir a música que será exibida durante sua performance em campo.

Com todos os problemas na prova, Maldonado completou a prova em 14º lugar. A vitória ficou com Sebastian Vettel (Ferrari), à frente de Daniil Kvyat (Toro Rosso) e Daniel Ricciardo (Red Bull).


Record abre mão de encerramento do Pan, mas muda grade por chances de ouro
Comentários 26

UOL Esporte

A Rede Record, que já não havia transmitido ao vivo a cerimônia de abertura dos Jogos Pan-Americanos de Toronto, adotará a mesmíssima postura na festa de encerramento, neste domingo. A emissora optou por apenas um compacto de momentos do evento depois da meia-noite.

No horário, 21h, a Record estará com o Domingo Espetacular no ar. Dessa forma, telespectadores sem acesso à TV por assinatura (o Sportv transmitirá ao vivo) terão como opção ver a festa de encerramento na Record News que, porém, tem um alcance mais limitado em comparação ao canal do bispo Edir Macedo, presente em quase todas as capitais em VHF ou UHF, mas ausente nas praças do interior que contam com afiliadas da emissora principal.

Mas se a Record não abriu mão do horário do Domingo Espetacular para a cerimônia de encerramento do Pan, possibilidades de conquistas de medalhas de ouro pelo Brasil em esporte coletivos motivaram mudanças na programação do fim de semana, com direito até a cancelamento de atração.

Neste sábado, excepcionalmente, a emissora paulista não exibirá o Programa da Sabrina. Isso porque logo após o Jornal da Record serão transmitidas duas finais femininas: às 19h30 tem Brasil x Colômbia, no futebol e, logo na sequência, às 21h30 a Record exibe a decisão do vôlei entre Brasil e Estados Unidos.

Até sexta-feira, a grade de programação da Record não previa nenhuma transmissão ao vivo da emissora de nenhuma competição no derradeiro dia dos Jogos. Porém, após a vitória da seleção brasileira masculina de vôlei por 3 sets a 0 sobre os porto-riquenhos na semifinal levada ao ar na sexta à noite, o narrador da Record, Eduardo Vaz, disse que a final de domingo, às 16h, contra a Argentina, também terá transmissão ao vivo da Record.

Rogério Jovaneli
Do UOL, em São Paulo


Neymar grava participação na nova novela das 9 e posa com Suzana Vieira
Comentários 6

UOL Esporte

Neymar

 

Neymar segue aproveitando as férias no Brasil. Nesta sexta-feira, o jogador do Barcelona foi aos estúdios da Rede Globo, no Rio de Janeiro, para gravar cenas da nova novela das 9, intitulada de A Regra do Jogo, que irá ao ar a partir de 31 de agosto.

Ao lado da irmã Rafaella Santos, o craque brasileiro gravou algumas cenas para o primeiro capítulo da novela de João Emanuel Carneiro.  Segundo a Globo, Neymar e Rafaella contracenaram com as atrizes Vanessa Giácomo e Giovanna Antonelli.

Mais tarde, Suzana Vieira, uma das estrelas da nova novela da emissora, postou uma foto no Instagram ao lado do jogador. “Meu primeiro dia de gravação: A Regra do Jogo. Beijinho no ombro'', disse.

Não é a primeira vez que Neymar fará uma ponta em uma novela da Globo. O camisa 10 da seleção participou de um capítulo da novela Amor à Vida ao contracenar com Tatá Werneck, que interpretava a personagem Valdirene na trama de Walcyr Carrasco.

 


Enquanto SporTV desabafa por não ter handebol, Record News mostra final
Comentários 2

UOL Esporte

O narrador Luiz Carlos Júnior voltou a desabafar contra a organização dos Jogos Pan-Americanos nesta sexta-feira. Ele criticou por não ter estrutura para a transmissão do handebol. Mas, enquanto isso, a Record News mostrava ao vivo Brasil x Argentina, decisão entre as mulheres.

“Vamos trazer flashes. Infelizmente, a organização, diferente do que acontece nos Jogos Olímpicos que temos todos os esportes. Aqui no Pan, a organização não colocou transmissão em todos esportes. Estranhamente o handebol ficou fora. Para nós brasileiros, que está bombando o handebol, é uma pena que não possa passar”, disse.

“Fizemos inúmeros pedidos, estamos fazendo esforço para trazer o handebol”, completou.

Durante cerca de cinco minutos, enquanto mostrava algumas imagens do início do jogo, o narrador repetiu algumas vezes os comentários sobre ser impossível transmitir. Luiz Carlos ainda citava os pedidos nas redes sociais para poder televisionar o duelo.

Enquanto o desabafo ia para o ar no SporTV, a Record News transmitiu o duelo na íntegra, como aconteceu nas semifinais masculina e feminina. O canal da Record, que também é na TV aberta, até chamava o público.

“Avise seus amigos, venha ver o handebol na Record News”, anunciava o narrador na emissora Reinaldo Gottino.

Depois do fim da semifinal do basquete, o SporTV 3 entrou com imagens ao vivo do handebol. Mas, chegou a cortar o jogo para entrar no intervalo comercial.

Apenas uma emissora esteve no ginásio para transmitir o jogo, a Tyc Sports, da Argentina. A Record News fez opção pela transmissão por “tubo'', feita no estúdio vendo as imagens pela TV.

No Twitter, internautas reclamaram da falta de lugares transmitindo o hadebol. Alguns sem saber que a Record News estava com a partida ao vivo.


Zoeira com Renata Fan rende recorde anual de audiência ao Jogo Aberto
Comentários 32

UOL Esporte

Toda a expectativa gerada junto aos telespectadores e a confirmação, na prática, de um programa praticamente todo ele dedicado a zoar Renata Fan pela eliminação do seu Internacional da final da Libertadores rendeu recorde anual de audiência ao Jogo Aberto desta quinta-feira.

O programa, marcado pelo caprichado bullying de Denílson, Ronaldo e companhia com a apresentadora fez a Band alcançar 4,1 pontos no Ibope da Grande São Paulo, maior resultado de audiência da atração esportiva desde abril do ano passado, chegando até a desbancar a Record por 43 minutos no horário, ficando em incomum terceiro lugar, de acordo com o site Notícias da TV.

A edição do Jogo Aberto em homenagem a Renata Fan teve de tudo: músicas mexicanas, Denílson dançando ao som de Bonde do Tigrão, alusão ao Tigres, algoz do Colorado, e finalista da Libertadores), Ronaldo Giovanelli de bigodão, sombrero e violão, no melhor estilo cantor mexicano e retirada da apresentadora de maca com um tigrão de brinquedo em seu colo.

 


Apresentadoras nuas atacam no Pan e não veem estilo como apelação na TV
Comentários 25

uol

Apresentadoras de TV tiram a roupa e agitam Jogos Pan-Americanos

Ser entrevistado é algo que deixa algumas pessoas um pouco embaraçadas. Vergonha, nervosismo e intimidação ao ter que se pronunciar diante de um microfone e uma câmera. Pra quem se inibe e sente sensações como essa, é bom ficar longe da Vila Pan-Americana, em Toronto, onde quase todos os atletas dos Jogos estão hospedados. Mas o problema não é por conta deles, e sim de um grupo de garotas canadenses que deixa muitos em situação desconfortável.

São dezenas de garotas que produzem o telejornal local Naked News de uma forma pra lá de questionável no jornalismo: apresentam matérias com pouca roupa, sem a parte de cima e fazendo striptease. O grupo é muito conhecido no Canadá e tem vários acessos em seu site, embora carregue junto muitas críticas pela forma apelativa nas imagens para a TV. Ao menos, o canal não é visto por qualquer um: somente quem pagar extra na TV a cabo (sistema pay-per-view) ou pela internet, também paga.

Na província de Ontario, no Canadá, onde fica sediado o telejornal, é liberado fazer topless. As “naked girls” dizem que são muito mais bem recebidas do que vítima de críticas e justificam o porque não encaram o que fazem como apelação.

“Você pode não acessar o website e o programa se não quiser. E precisa ter pelo menos 18 anos pra poder assistir. É legal (por lei) fazer topless em Ontário. Nós lutamos muito pra isso. Até onde tenho consciência, isso não é um atendado ao pudor e assédio sexual.  Isso é uma questão científica. Os seios não são objetos sexuais. São características como a barba. Você não cobre a minha face e eu não cubro algumas partes. Sou mãe e tenho filhos. Não vejo problema nenhum em fazer isso. Eu sempre fui educada pra me preocupar apenas com o que acho que deva ser preocupação, e não é o caso disso”, disse Katherine Curtis, uma das apresentadoras.

“De quem você gostaria de receber notícias no jornalismo? De um cara de terno ou uma mulher nua? Às vezes a maneira que você leva uma mensagem pode soar menos agressiva. Tem tantas más notícias no mundo que às vezes é melhor receber a informação de uma maneira mais suave”, prosseguiu. Sua companheira Madison Banes fez coro. “Às vezes as pessoas ficam nervosas por ver algo diferente, mas nos proporciona momentos divertidos e elas entendem que é apenas um show. Acho que quando você faz algo errado, você sabe. Não há errado com o que fazemos.''

Naked_News

Nenhuma delas é casada, e Kurtis tem filho. Ambas dizem que ninguém na família recrimina. Todos apoiam “Meus pais ficaram muito felizes por mim. Eu falei pra eles que iria fazer esse trabalho e eles sempre me deram muita liberdade para minha vida. Meu pai disse ´que legal que você vai ser uma naker´. Eles me apoiaram. A maioria das pessoas se chocam quando fazemos as coisas, mas entendem o nosso show. É um tipo de programa que eu tenho muito orgulho de fazer. É um programa que já está sólido por todos os anos”, sentenciou Kurtis.

“Meus pais sempre me apoiaram pra tudo e ficaram muito felizes e entusiasmados com a possibilidade. Fazemos e mostramos uma coisa natural, não é uma coisa que é verdadeira”, complementou Madison.

No Pan, elas ficam em frente à Vila Olímpica e fazem abordagens aos atletas com perguntas indiscretas e algumas brincadeiras debochadas. Relatam que todos eles têm gostado muito. “Tem sido espetacular. Eles tem sido muito amigáveis e felizes quando brincamos com eles, a recepção tem sido ótima. Vemos que eles estão adorando. Eles ficam um pouco chocados, mas estão adorando a situação”, explicou Kurtis.
Naked_2
José Ricardo Leite
Do UOL, em Toronto (CAN)